10 dicas para aproveitar bem a Oktoberfest de Blumenau

Ein Prosit, ein Prosit
Der Gemütlichkeit
Ein Prosit, ein Prosit
Der Gemütlichkeit

Aprenda essa música, arrume um Masskrug e corra para a Oktoberfest mais próxima de você. A Oktoberfest de Blumenau acaba na próxima semana, 20 de outubro. Ainda dá tempo de ser feliz.

Eu fui, pela primeira vez, neste fim de semana (12/10), e deixo algumas dicas de como aproveitar bem um dia na segunda maior Oktoberfest do mundo. Como diria um famoso herói mexicano, sigam-me os bons!

1. Antes de tudo, recomendo comprar o ingresso pela internet evitando possíveis filas na chegada. Se você for estudante, ou se for vestido com o traje típico, melhor ainda, paga meia e terá grana pra mais cerveja. o/ Compre os ingressos aqui.

Frida e Fritz
Frida e Fritz

2. Chegar cedo tem suas vantagens: você anda tranquilamente pela festa, não enfrenta filas, prova as melhores cervejas antes que acabe, pode pedir um belo eisbein (joelho de porco)  e comer em paz,  sem empurra empurra ou gente derrubando cerveja em você. Eu cheguei na festa por volta das 17h e foi tranquilo.

Abram as torneiras que tenho sede
Abram as torneiras que tenho sede

3.  Prove as melhores cervejas antes de se esbaldar, e antes que acabem. Eu comecei com uma das minhas cervejas de trigo preferidas, a Weihenstephaner Weissbier, no Bier Vila, localizado fora dos pavilhões. Na sequência fui provar a Spaten Oktoberfestbier, no setor 1, e parti para a Bierland American Red Ale e Bierland Vienna. Essas duas últimas me acompanharam pelo resto da festa. Você as encontra no setor 1 e 2.

Weihenstephaner Weissbier abrindo os trabalhos
Weihenstephaner Weissbier abrindo os trabalhos

4. Prove a comida típica. Aqui tem o cardápio com tudo que tem de bom para você comer bem e evitar aquela ressaca monstra no dia seguinte. E o mais bacana, tem dicas de quais cervejas harmonizam com cada prato. Eu fui de Codorna Recheada com Weissbier. (Cardápio)

Codorna Recheada sumindo em 3, 2, 1.....
Codorna Recheada sumindo em 3, 2, 1…..

5. Água sem cevada. A gente sabe que mais de 90% da cerveja é composta por água, mas bebê-la pura é essencial para se hidratar depois de tantas idas ao banheiro. O ideal é o famoso 1×1, ou seja, para cada copo de cerveja, um copo de água. Não sei se deveria fazer essa recomendação, mas eu bebi água da torneira mesmo, durante toda a festa, e to aqui, ainda vivo e sem sequelas.

IMG_6986

6. Tiro ao alvo. Pode não ser o ponto alto da festa, mas tem uma parte com jogos que se for em turma acaba sendo muito divertido. Fomos no tiro ao alvo e apostamos cervejas para os campeões de tiro ao alvo da nossa turma e adivinhem quem foi um dos ganhadores?! Obrigado! Obrigado!

Se beber, não atire!
Se beber, não atire!

7. No sábado, a partir das 20h30 mais ou menos, começa a encher. Este ano a festa tem limite máximo de pessoas. No dia em que eu fui, mais de 30 mil ficaram de fora. E ainda assim a festa lotou. Por volta da 1h da manhã era fila para tudo, banheiro, cerveja, comida, e mais o que você precisar fazer. Tem gente que gosta, fazer o que.

As cores da festa
As cores da festa

8. Marque um ponto de encontro. Se perder da sua turma dentro dos pavilhões é comum. Encontrar a galera que é difícil. Marque um ponto de encontro e fique tranquilo.

ÔÔÔHH LÁ EM CASA!!!
ÔÔÔHH LÁ EM CASA!!!

9. Não vá de carro a menos que não beba. Se você não é de Blumenau e está hospedado na cidade, vá de táxi, a pé, de carona e volte do mesmo jeito. Nada de beber e dirigir.

10. E a última dica de todas, DIVIRTA-SE!

Galera cervejeira
Galera cervejeira

Ein Prosit!!!

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
Edson Carvalho

About

Um viajante tão apaixonado por cervejas artesanais que rodou o Brasil inteiro atrás delas e agora dá dicas de onde encontrá-las.

View all posts by

11 thoughts on “10 dicas para aproveitar bem a Oktoberfest de Blumenau

  1. Olá! Sou do estado de SP e vou pela 1 vez na festa, meus amigos e amigas estão querendo ir com o traje típico alemão, gostaria de saber se é mico ou se bastante gente vai com a roupa rsrs
    obrigada

    1. Oi Kamila,
      Não é mico nenhum. Muiiiiita gente vai com os trajes típicos (Fritz e Frida). É tradição e acaba sendo muito mais divertido. Vão de boa.
      Antes quem fosse com o traje não pagava a entrada, mas infelizmente acabaram com isso. Mas mesmo assim as pessoas continuam indo. Só fique atenta aos ingressos porque agora tem limite de entrada, vale a pena se programar e comprar pela internet.
      Abraço

  2. Olá!!
    Tô em dúvida com relação à hotel. Recebemos dicas de ficar em cidades próximas, como Balneário Camboriú ou Joinville, porque , segundo o q disseram, a cidade de Blumenau fica muito cheia, e assim tb poderíamos conhecer outras cidades. Eu não bebo na turma, posso dirigir sempre. É uma dica válida…..

  3. Olá!!
    Tô em dúvida com relação à hotel. Recebemos dicas de ficar em cidades próximas, como Balneário Camboriú ou Joinville, porque , segundo o q disseram, a cidade de Blumenau fica muito cheia, e assim tb poderíamos conhecer outras cidades. Eu não bebo na turma, posso dirigir sempre. É uma dica válida ou não….. 🙂

    1. Eu vou nesta festa desde 2012 e sempre achei extremamente difícil conseguir acomodação. na primeira vez fiquei em um camping pagando 60 reais pra colocar minha barraca em cima de pedras, horrível. na segunda vez conseguimos uma casa que era cozinha e 1 quarto pelo preço de 500 reais a diária. alguns albergues cobrar mais de 600 reais a diária por pessoa nesta época. Hotel nunca nem encontrei vagas. Com certeza a melhor opção é se hospedar em cidades vizinhas caso não queira pagar uma fortuna e dormir mal, alguns hotéis de cidades vizinhas até oferecem o transporte para a festa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.